quinta-feira, 27 de novembro de 2014

WikiZolkan - Celune



Celune é a maior lua (de duas) e a mais brilhante do céu. Embora não esteja presente no panteão dos Onze Maiores, é considerada a deusa do amor, dos noturnos e andarilhos da noite.




Contam os magos, que Celune apaixonou-se por Pelor, o deus Sol, e com ele viveu um amor proibido. Vencendo todas as barreiras do impossível, Celune consegue se encontrar com Pelor  a cada quatro anos, para uma única noite, onde se amam escondidos, gerando um único e amado filho. Mas tempos depois, Celune perde o filho dentro de seu ventre, e por isso chora a noite toda, criando as estrelas do céu.



A Noite de Celune na verdade acontece durante o dia. É um dia escuro e sem sol. É esse o momento em que Celune e Pelor se encontram a cada quatro anos para se amar.



O Choro de Celune acontece dois anos após a Noite de Celune, pondendo ser visto no céu a cada quatro anos, onde todos se reúnem em família para prestigiar o rito, e os mais devotos aproveitam para fazer seus pedidos. No choro de Celune, o céu fica limpo e sem estrelas. Celune está completa (cheia) e radiante. Então pode-se ver milhões de estrelas brilhantes (lágrimas) que passam apressadas pela lua. Em alguns lugares como no Condado Vermelho, é comum a chegada de muitos forasteiros e estudiosos que procuram uma visão mais clara e limpa do céu. Os moradores fazem colares de flores e distribuem entre si, desejando boa sorte. A noite do Choro sempre acaba em festa, e os devotos finalizam o rito emocionados, ansiosos pela espera de mais dois anos para que Celune possa rever Pelor por mais uma noite.

Nenhum comentário:

Postar um comentário